Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CARTAS PARA A GUEIXA SAYURI - A CHEGADA

"Cada ponto destes céus turbulentos
É tempestuoso... Carnes e ventos
Refletem o dorso dos lamentos
D´alma dentro de nós mortais
Cantai aos rochedos! Cantai!
Vestir-se em plumas... veloz
Lufadas de vento boroeste...Atroz
Mágicas do cais
Donde partem todas as almas...
E nada é tão demais"...

A Chegada... esta língua que nada me fala
Estes sons e vozes que sofram do nada...
Marcado a ferro, como um reles animal
Sem doce brisa, apenas o véu do sal...
Temo ao Senhor, mas sei será invão...
Castigado meu dorso será... sem perdão
Morrer..
Morrer?! Dádiva de mim tomada
Saqueada, desvirginada
Esperança vã
Quimera Pagã...
Perdoai-me Senhor...
mas não sei o que me espera...
Nos barcos da vida, sou naufrago de alma
e rogo-Te...apenas a espada...
Para o além... Amém!

"AO PASSADO... LEMBRANÇAS DE UM TEMPLÁRIO"...
Cartas de Argus Cruxis  em 1.169
Uma "Carta memória" de sua chegada para Sayuri Sakamoto
OTAVIO JM
Enviado por OTAVIO JM em 28/08/2008
Reeditado em 28/05/2009
Código do texto: T1150281
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
OTAVIO JM
São Paulo - São Paulo - Brasil
975 textos (197449 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/01/20 13:48)
OTAVIO JM