Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DECANA HELENA ROSETA DIXIT

Por
Frassino Machado

O DÉFICE FEMININO NA POLÍTICA PORTUGUESA

Pois eu concordo plenamente com a experiente politóloga portuguesa. De facto, parece um pouco estranho que apenas cinco mulheres façam parte do Governo liderado por José Sócrates, quando deveriam – a exemplo de outros governos europeus – ser muitas mais. Bom, mas não exageremos ! Creio que no momento actual, da apregoada crise nacional, não seria curial aparecerem muitas mulheres no executivo. Por dois motivos óbvios: primeiro que tudo é fundamental que sejam os homens a dar a cara e o seu esforço para resolver os problemas graves da Nação. Deverão ser, neste contexto, poupadas as mulheres as quais, numa segunda linha de oportunidades, sempre terão uma voz a exercitar, protagonismo este que evidentemente será notório. Em segundo lugar, é bem verdade que, desde o vinte e cinco de Abril, têm sido os homens os mais causticados pelas “intempéries políticas e administrativas” nacionais, o que é um factor a ter em conta nos momentos decisivos. Não se trata aqui apenas de currículo e competência comprovada mas, acima de tudo, de um acto de justiça que o povo português provou que sabe apreciar e conceder nos momentos fulcrais.
Diz a ilustre parlamentar que “as mulheres são criticadas por não terem suficiente visibilidade, quando tudo é feito para não lhes ser dada nenhuma”. Aqui não lhe dou razão. Porque não se trata de dar visibilidade a quem quer que seja. Apenas me parece que se torna importante que as mulheres portuguesas se compenetrem de uma vez por todas dos seus direitos e também, principalmente, dos seus deveres para com a sociedade. É pelas capacidades demonstradas na luta pela cidadania e serviço nacionais que se conquistam as prerrogativas e os privilégios de reconhecimento público. Todavia, concordo também com ela quando propõe um « Forum Nacional sobre os direitos das Mulheres ». Mas, atenção, que não se trate aqui de exibicionismos ou de pseudo-visibilidades para português ver... A priori, há que acontecer algo de dimensão pública, é certo, em que as mulheres provem as suas capacidades de iniciativa, de valor cultural e de espírito de serviço para com a Nação. Então, sim, os Partidos Políticos, na sua maioria ( creio eu ! ) saberão chamar para as suas fileiras de vanguarda muitas dessas cidadãs. E os cidadãos eleitores, por sua vez, as reconhecerão.

Frassino Machado
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 01/12/2006
Código do texto: T306845
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FRASSINO MACHADO
Odivelas - Lisboa - Portugal
1828 textos (47414 leituras)
20 áudios (857 audições)
2 e-livros (25 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 22:09)
FRASSINO MACHADO

Site do Escritor