Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"EXERCÍCIO FILOSÓFICO"

ARTE DE ESCREVER

« Escrever muito não é escrever bem. Escrever pouco não é escrever bem. Escrever não é escrever bem. Amar é não precisar de escrever para ser pleno por um instante. Toda a escrita é uma assunção de imperfeição ».

Helena Lopes


COMENTÁRIO :

ESCREVER MUITO ... POUCO ... ESCREVER ... AMAR ... em pouca coisa um terrível dilema de alma. ESCREVER, é uma forma de linguagem que pretende ser uma ponte para o entendimento e para acção. Toda a linguagem em si mesma é susceptível de consubstanciar sentimentos. Que sentimentos ? Os que emanam da expressão corpórea que em si, essa sim, talvez imperfeita. Se da discussão nasce a luz, da ESCRITA nasce a comunicação impulsionada pela força do pensar. Toda a ESCRITA é e, sendo, pode revelar/manifestar o ser de algo. E o ser de algo não é, em si, nem perfeito, nem imperfeito... é apenas. Tal como o sujeito que o suporta, em si mesmo, é o que é ! Todavia, ao sujeito - ao Dasein, no dizer de Heidegger - compete filtrar ( pela função da Crítica ) a revelação/manifestação ( aquilo que chamas de assunção ) do ser : nem que seja o fenómeno saído do acto de ESCREVER ! Assim, pelo excelso trinómio escrever/crítica/ser... temos a resultante da ESTÉTICA que para Hegel nada mais é que AMAR ...

Frassino Machado
In CAMINHOS DO PENSAR
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 01/12/2006
Reeditado em 26/10/2007
Código do texto: T306981
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FRASSINO MACHADO
Odivelas - Lisboa - Portugal
1828 textos (47429 leituras)
20 áudios (857 audições)
2 e-livros (25 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 15:10)
FRASSINO MACHADO

Site do Escritor