Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Toques e lambidas



Papel pra todo lado, palavras caídas e verbos partidos...e em cima da mesa, estilhaços da minha ventura...reluzindo como diamante no escuro...
A chama acesa tremulando e o perfume passeando pelo ar...denuncia que estivestes por aqui...olho nas paredes, e as sombras zombam do meu medo...nunca fiz segredo desse frio que o escuro me causa...
A taça derramada no tapete ao longo do meu corpo esguio...agita meus pensamentos...a luz fina e dançante atreve meus dedos...e uma vontade de jogar fora toda essa limalha agarrada na garganta, torna urgente
a mão sobre a pena...que sem muito pensar vai bordando palavras tantas...como se não deve temer...e eis que sem que eu perceba...nasce mais uma página...de nós...
Viro-me de costas...e mirando o teto...assisto a dança das chamas, reproduzidas aos pares no alto da minha doce prisão...
Meus pensamentos se desdobram...enquanto os arrepios andam na minha pele descalça...o medo pela angústia dos mesmos arrepios...
marejam e escorrem salgados...libertos depois de anos de privação de sentidos...duplamente registrados nos lagos da minha consciência ...na superfície plana ...onde teu nome brilha, como um astro de primeira grandeza...
Não quero apagar a magia dessas horas de silêncio e encontros...de toques e lambidas ...tão únicas...fecho os olhos e me abraço...que desça a noite...meu corpo já tem companhia...
Angélica Teresa Faiz Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Faiz Almstadter em 02/02/2005
Código do texto: T3309
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Faiz Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 66 anos
1119 textos (65621 leituras)
25 áudios (3317 audições)
1 e-livros (254 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/21 04:48)
Angélica Teresa  Faiz Almstadter