Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Todos nós temos preconceitos

Quanto mais atenção pessoas de pele negra derem aos preconceituosos, mais fortes os preconceituosos ficarão, e mais fracos ficarão as vítimas de preconceito.

Existem preconceitos de todas as formas, até sobre pessoas mais inteligentes do que outras. E não venham me dizer que não existem pessoas mais inteligentes que outras, porque existem. Quem vai comparar a inteligência de Aristóteles com a de Bolsonaro? O primeiro penetrou em todas as áreas do saber humano, foi o primeiro biólogo, escreveu livros brilhantes sobre política, ética, lógica, metafísica, poética.
 
Existe preconceito em toda família. Observe! Você vai fazer o quê? Ninguém muda a cabeça de ninguém. Pare de ser vítima! Todo mundo tem preconceitos. Há pessoas que têm mais do que outras. Vamos provar? Vamos lá! Você acha alguma pessoa feia, seja homem ou mulher? Sua resposta é sim? Pois você tem preconceito. Qual é a pessoa que tem fundamento irrefutável para dizer o que é bonito e o que é feio? Qual é o padrão de beleza? Qual é o padrão de feiura?

William Bonner tem preconceitos. Quer uma prova? Certa vez, no Jornal Nacional, eu não lembro precisamente, o telejornal apresentou uma reportagem sobre um homem suspeito de crime ou realmente criminoso. O homem tinha uma barba muito grande e muito diferente do que costumamos ver. O homem morava (mora) fora do Brasil. Depois da reportagem apresentada, William Bonner comentou que, "com aquela barba..." Imediatamente, pessoas se manifestaram nas redes sociais, dizendo que o apresentador do telejornal havia manifestado preconceito sobre pessoas de barba grande. Ele pediu desculpa no ar naquela edição do jornal. William Bonner disse que apresenta o Jornal Nacional, mas conectado com as redes sociais.

Você, que é homem, se casaria com uma prostituta? Atenção: Eu não vejo inferioridade em quem se prostitui. Eu vejo desrespeito das prostitutas a si mesmas, porque se fazem mercadorias, vendem-se. Mas as pessoas mudam, e há muitas mulheres que se tornam grandes exemplos de esposa após saírem da prostituição. A Bíblia afirma que muitas prostitutas entrarão no Reino de Deus antes de muitos religiosos.

Existem preconceitos sobre roupa, classe social, profissão. Existe preconceito sobre pessoas que são formadas em Filosofia. Muitas pessoas dizem que "todo filósofo é doido". Até professores dizem isso. Imagine o cara ser filósofo, ter a pele negra, ser pobre, professor e ainda ser considerado feio rs. Mas eu me considero bonito. Sem ironia. Eu sou bonito. Prove que eu sou feio!

Existe preconceito sobre caipira e intelectual. Eu já percebi que algumas pessoas têm medo de que eu as corrija. Algumas pessoas já até sugeriram que eu as corrigisse. Algumas, por desconfiança. Outras, por ironia, zombaria.  Preconceito porque escrevo corretamente. Há pessoas que têm preconceito sobre pessoas que escrevem de forma errada, e há pessoas que têm preconceito sobre quem escreve de forma correta. Mas ninguém me vê corrigindo ninguém no dia a dia. Os meus verdadeiros amigos (que são poucos) nunca mostraram essa preocupação diante de mim. Ora, preconceito é o que vem antes do conhecimento, e os meus amigos me conhecem.

Muitas pessoas têm preconceito sobre a postura política chamada esquerda. Até pessoas pobres têm esse preconceito. São contra elas mesmas.

Há mulheres que dizem que todos os homens são iguais. Isso é preconceito. Ora, vocês já me experimentaram? Já experimentaram todos os homens? Há homens que dizem que todas as mulheres são iguais. Isso é preconceito. Ora, vocês já conhecem todas as mulheres? Há pessoas que dizem que todos os políticos brasileiros são iguais. Isso é preconceito. Ora, quem diz que todos os políticos são iguais conhece todos os políticos do Brasil?

Eu poderia citar muitos outros preconceitos, mas não vou fazê-lo. Eu, Domingos Ivan Barbosa, também tenho os meus preconceitos. Penso, reflito, para eliminar o máximo que eu puder. Eu me analiso.

Diante de um preconceito, explícito ou camuflado, eu combato, ou fico indiferente, ou relevo. Muitos preconceituosos são inocentes. Outros são maus. Outros são boas pessoas, mas procuram melhorar. Há nordestinos que afirmam ter vergonha do Nordeste. Isso é preconceito. Conheço gente que mostra simpatia por mim, mas não quer que pessoas de sua família se casem com pessoas de pele negra. Existem pessoas que constroem discursos contra o preconceito; dizem ser contra preconceito, mas são preconceituosas. Quantas vezes você deixou de namorar uma pessoa por achá-la feia? Seja sincero, ou sincera! Isso é preconceito.

Há preconceitos mais graves do que outros. Ninguém vai conseguir eliminar os preconceitos das pessoas. Ninguém conseguirá eliminar todos os preconceitos nem de si mesmo. Na minha infância e adolescência, um dos meus preconceitos era sobre chinelo havaianas. Eu não usava. Tinha vergonha. Tolice. Hoje, porém, eu não fico sem havaianas, além de outros calçados.

Se formos dar atenção às bobagens das pessoas, não vamos conviver bem com ninguém. Há pessoas que têm preconceito sobre mim porque eu não uso bebida alcoólica,  não fumo, não jogo mais nada, não tenho vício, não vou a balada, não vou a carnaval. Eu vou me preocupar com o que pessoas pensam a meu respeito? Ninguém controla a cabeça nem a língua de ninguém. Quem quiser perder tempo falando mal de mim, que o faça. O que eu perderei se algumas ou muitas pessoas não gostarem ou falarem mal de mim? Nada! Eu não perco tempo falando mal de ninguém. Já o fiz também, pois não sou perfeito. Mas não o faço mais. É perda de tempo falar mal da vida alheia. E, quando estamos falando mal de alguém, estamos aumentando e mostrando os nossos defeitos, e não os defeitos de quem falamos mal. Só na política que eu faço crítica a pessoas, mas não o faço por ódio ou prazer, mas para avaliar. Todavia, eu paro quando vejo a necessidade. Por exemplo, já fiz muitas críticas ao Lula e ao PT. Parei. Por quê? Porque estão sendo punidos. Os demais corruptos devem ser punidos também.

Não dê espaço ao preconceito. Procure não alimentá-lo. Não seja vítima. Seja autor da sua história. Busque o conhecimento.

A vida é bonita! A você que leu este texto, eu peço: cite algum preconceito seu.

Uruçuí/PI, 20/11/2018.
Domingos Ivan Barbosa
Domingos Ivan Barbosa
Enviado por Domingos Ivan Barbosa em 21/11/2018
Reeditado em 21/11/2018
Código do texto: T6507838
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Domingos Ivan Barbosa
Pastos Bons - Maranhão - Brasil, 39 anos
801 textos (911553 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/02/19 09:31)
Domingos Ivan Barbosa