Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AVALIAÇÃO 3º BIMESTRE AGOSTO & ATIVIDADES - ENSINO MÉDIO

E. E. “Prof. Hélio Penteado de Castro”
 
AVALIAÇÃO 3º BIMESTRE AGOSTO

Língua Portuguesa e Literatura

Prof. João Bosco -  Data: _____/ _08__./ 2020.

NOME: ________________________ Nº ______   TURMA: ______

QUANDO DEUS APARECE – Martha Medeiros

QUESTÃO 1. “Deus não está em promoção, se exibindo por aí. Ele escolhe, dentro do mais rigoroso critério, os momentos de aparecer pra gente. Não sendo visível aos olhos, ele dá preferência à sensibilidade como via de acesso a nós. Mas valorizo essas aparições como se fosse a chegada de uma visita ilustre, que me dá sossego à alma.”

Fonte: http://pensamentosmirabolantes.blogspot.com.br/2008/08/quando-deus-aparece-crnica-de-martha.html

O parágrafo acima elucida ou destaca uma particularidade que a narradora aprecia em Deus:

a) Deus endossa ou aprova as leis de mercado e a publicidade ou promoções como se ele fosse uma mercadoria;
b) Deus aparece de qualquer modo, a qualquer critério e a qualquer um;
c) Deus escolhe a quem aparecer, só que não é tão sensível quanto aparece ser;
d) Deus é invisível e sua manifestação discreta se assemelha a um ser ilustre porque conforta a pessoa.
 
QUESTÃO 2 Quando Deus aparece pra você? Pra mim, ele aparece sempre através da música. Pode ser uma música popular, pode ser algo que toque no rádio, mas que me chega no momento exato em que preciso estar reconciliada comigo mesma. De forma inesperada, a música me transcende.
O fragmento acima evidencia ou mostra o modo como a epifania ou revelação divina pode acontecer.
Marque a questão menos convincente.

a) Deus se revela na musicalidade como expressão de interioridade harmônica.
b) Deus se revela na musicalidade como expressão de um toque especial de comunicação.
c) Deus se revela na musicalidade como expressão de transcendência de si.
d) Deus se revela na musicalidade como fuga de si e encontro em livros ou escritos.

QUESTÃO 3. Deus me aparece - muito! - quando estou em frente ao mar. Tivemos um papo longo, cerca de um mês atrás, quando havia somente as ondas entre mim e ele. A gente se entende em meio ao azul, que seria a cor de Deus, se ele tivesse uma. Deus me aparece nos livros, em parágrafos em que não acredito que possam ter sido escritos por um ser mundano: foram escritos por um ser mais que humano.
As cinco linhas evocam ou nos despertam para uma questão de fé. A crônica aponta as duas teodiceias (Estudo segundo o qual Deus nos revela pela natureza.  Mas, há também uma revelação na fé sobrenatural quando aponta outra fonte que não a natureza. Quais são as manifestações de Deus na crônica, então?

a) Deus se mostra no mar e em seus perigos;
b) Deus se mostra no azul do mar sereno (nada a ver com o interior das pessoas) e na escritura de alguns livros;
c) Deus se mostra no papo longo em ondas de intimidade e de escritos que parecem divinos;
d) Deus se mostra nos parágrafos de gente bizarra (engraçadas, divertidas, inusitadas, esquisitas e diferentes) e antiética e em seus escritos estranhos.

QUESTÃO 4. Deus aparece quando choro. Quando a fragilidade é tanta que parece que não vou conseguir me reerguer. Quando uma amiga me liga de um país distante e demonstra estar mais perto do que o vizinho do andar de cima. Deus aparece nas preocupações da minha mãe, que mãe é sempre um atestado da presença desse cara. E quando eu o chamo de cara e ele não se aborrece, aí tenho certeza de que ele está mesmo comigo.
Existe um tratamento de Deus um tanto cotidiano na crônica, por quê? Porque...
a) A fé em Deus pode se mostrar de muitas formas, nunca no estrangeiro e na vida familiar;
b) Deus nunca se confunde com o trivial (algo comum, conhecido por todos) e banal, vulgar e fútil (coisa sem valor);
c) Se Deus está dentro e fora da gente, Ele pode ser “um cara” e se manifesta em momentos simples...
d) Não se pode tratar de “cara” para que se sinta Deus tão perto da gente.

QUESTÃO 5. Escreva um texto discutindo um dos aspectos da crônica acima. Depois de escrever seu texto, coloque o título no lugar acima do texto. O texto pode ser em primeira pessoa (Eu ou nós.).
Faça, primeiro, o rascunho para suas ideias e formação de frases e períodos ou argumentos. Depois, segundo, escreva seu texto definitivo, evitando erros e corrigindo o seu texto.
Responda como na crônica de Martha Medeiros: “Quando EU PRATICO O BEM AJUDO O MUNDO SER MELHOR?”  Continue a responder: Pra mim, fazer o bem é ...

Dê um título interessante para seu texto definitivo: _______________________________


Na primeira linha faça parágrafo!
    _____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________.

___________

 ATIVIDADES - ENSINO MÉDIO - 3º TRIMESTRE

Prof. João Bosco -  Data: _____/ _08__./ 2020.

NOME: _____________________ Nº ______   TURMA.______

1ª QUESTÃO
 
Texto 1

Para ser grande, sê inteiro: nada
Teu exagera ou exclui.
Sê todo em cada coisa. Põe quanto és
No mínimo que fazes.
Assim em cada lago a lua toda
Brilha, porque alta vive.
Fernando Pessoa . Odes de Ricardo Reis . Lisboa: Ática, 1946.

 ____ “”” ---------
             
Texto 2
 
A) Qual texto é literário. Por quê?  ____B). Qual texto não é literário. Por quê?
C).       Qual é o gênero textual do primeiro texto? Por quê ___
D).       Qual é o gênero textual do segundo texto? Por quê?
E).       Então, qual é a diferença entre um texto literário e o não literário?

Escreva com suas palavras de modo objetivo.

2ª QUESTÃO: Faça o artigo de opinião mostrando o contraste entre ser grande e pequeno na sociedade.

15 linhas – 10 pontos. REVISÃO DE TEXTO, PASSAR A LIMPO, LER PARA VER O SENTIDO DO TEXTO, CHECAR OS ARGUMENTOS.
Dê titulo!

3ª QUESTÃO:

 Poema       Urgente!

Uma gota
de orvalho
caiu hoje,
às 8 h, do dedo anular
direito, do Cristo Redentor,
no Rio de Janeiro. Seus restos
não foram encontrados
A Polícia não acredita em acidente Suspeito: o vento
Os meteorologistas, os poetas e os passarinhos
choram inconsoláveis.
Testemunha presenciou
a queda: “Horrível!
Ela se evaporou na
metade do caminho!”

 FONTE: Sérgio Capparelli. Tigres no quintal. São Paulo: Global, 2008.

 O poema tem a finalidade de:

a) Informar     b) Distrair       c) Instruir     d) Convencer

4ª QUESTÃO: O autor se preocupou em dispor as palavras de forma que lembrassem a imagem de:

a) Uma torre.            b) Um prédio.
c) Uma igreja.           d) Do Cristo Redentor.

5ª QUESTÃO: . Segundo o texto, há um único suspeito responsável pela tragédia com a gota de orvalho e é:

a) Os meteorologistas.       b) Os policiais.
c) Os Passarinhos.            d) O vento.
J B Pereira
Enviado por J B Pereira em 14/08/2020
Reeditado em 14/08/2020
Código do texto: T7035296
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
J B Pereira
Piracicaba - São Paulo - Brasil
2553 textos (1500669 leituras)
30 e-livros (332 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/20 21:16)
J B Pereira