Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OJÚ OMI (Olho d'água)

OJÚ OMI  (Olho d'água)
(Sávio Assad)

Sangra pedra sagrada,
Escorre essa água no meu rosto
Lava meu corpo com sua força.

Brota, olho d'água,
Jorra seu líquido, límpido e transparente,
Que brilha aos raios do sol.

Corra águas abençoadas,
Mata a sede das florestas, das matas,
Alimenta a terra, para novos frutos.

Sustenta esse corpo, já cansado,
De tanta sede, de vida e de amor,
E me ponha de pé a seus pés.

Niterói - RJ - 21/04/2015
Sávio Assad
Enviado por Sávio Assad em 21/04/2015
Reeditado em 21/04/2015
Código do texto: T5215237
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sávio Assad
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
432 textos (29857 leituras)
19 áudios (1392 audições)
4 e-livros (106 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/11/19 16:37)
Sávio Assad