Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando!!

Quando!

Quando olho dentro dos teus olhos, posso ver o tamanho e a beleza que a tua alma tem
Quando te beijo, percebo um sabor indescritível, nada pode ser melhor, não há sabor igual no mundo todo
Quando digo que o som da tua voz soa como uma música aos meus ouvidos é porque tua voz me encanta
Quando digo que te amo muito é porque sinto necessidade da confirmação e da reciprocidade desse amor
Quando digo que sinto saudades dos seus abraços é porque estar com você é o que de melhor já me aconteceu
Quando digo que te amarei para sempre, não estou dizendo que jamais teremos divergências, mas simplesmente que apesar delas sempre te amarei
Quando falo que preciso de você, estou me referindo aos seus sentimentos e carinhos não aos seus bens
Quando estas longe de mim, meu coração fica apertado e na verdade apertar-te contra meu peito é o que desejo
Quando vejo teu sorriso, é como se o mundo não tivesse problema algum, fico anestesiado e dor alguma pode me atingir
Quando estou ao teu lado, meu coração fica em paz e nada mais pode faltar-me, pois me completas plenamente
Quando penso na vida, tenho a certeza que agora está completa, pois, tenho você meu amor
Quando sou feliz, estou com você

                       (Homenagem que dedico a você um grande amor)
Paulo Moura
Enviado por Paulo Moura em 23/08/2007
Reeditado em 28/11/2011
Código do texto: T619972

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite Paulo Moura - prdemoura@gmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Moura
Canguçu - Rio Grande do Sul - Brasil, 56 anos
26 textos (2592 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 05:19)
Paulo Moura