Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O UROLOGISTA

Na sala de espera do consultório os homens estão apavorados:
-Cadê o médico que não apareceu?
-Está no consultório.
-Eu nunca realizei o exame de toque, e você?.- salientou um amigo para o outro.
-Eu também não.
-E como é?
-Eu sei! - gritou um homossexual.
Todos os homens olharam para o efeminado.
-E como é?- gritou um homem curioso.
-É bom?- questionou outro.
-Para quem é freguês é bom demais.
-Freguês como?
-Freguês é aquele que vem todos os anos.
-É verdade que fica em posição de frango assado?
-Sim!
E para amedrontar mais os homens o baitola alardeou:
-Tem que ficar na posição de frango assado e você vai ter que rebolar.
Os homens apavorados gritaram:
-Rebolar não!
-Tem que rebolar, sim!
-Eu não sou rumbeira de circo para rebolar!-berrou um dos homens
-Pois vai ter que rebolar!
-Para quê?
-Para o dedo do médico escorregar suavemente...
-Suavemente onde?
-No ânus.
Ao ouvir a explicação do homossexual um sujeito colocou sua papelada dento de sua pasta e falou para alguns homens
-Aqui eu não fico mais!- despediu-se dos amigos e foi embora.
-Que homem frouxo!- salientou o pederasta se divertindo do momento.
-E o dedo do médico é grosso?- questionou um senhor para o boiola
-Depende...
-Depende como?
-Às vezes é grosso e longo!
-Caramba!
Outro sujeito arrumou sua papelada e se mandou também da sala de espera.
-Ele usa luva?
-Usa.- aliviou o pederasta.
-Usa vaselina?
-Usa!
-Ainda bem.- sussurrou um sujeito aliviado
-Calma turma. Tenha calma!
-Dói muito?
-Depende.
-Depende de que?
-Do seu orifício e do dedo do médico.
O médico abriu a porta do seu consultório e começou e salientou:
-Quem é o primeiro?
Todos apontaram para o pederasta e gritaram:
-É ELE!!!
Sem cerimônia o gay entrou e ainda tirou sarro quando deu aquela tradicional requebrada para todos.
-Será que o boiola vai gritar?
-Será que o pederasta vai gostar?
-Aposto que sim!
-Aposto que não!
A curiosidade era grande quando de repente o gay apareceu na porta e falou para todos.
-Tá vendo gente, já terminei meu exame de toque.
Todos apavorados indagaram:
-Foi bom?
O gay vaidoso explanou para todos:
-Foi bom demais!
-Como?
-O médico não usou luva nem vaselina, tem um dedo longo e grosso, fiquei na posição de frango assado e ainda por cima mandou eu dar aquele tradicional rebolado.
Dito isto deu um tchau e soltou um sensual requebrado para os poucos que ficaram na sala de espera do urologista.
Reri Barretto
Enviado por Reri Barretto em 13/01/2018
Código do texto: T6225053
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Reri Barretto
Barra dos Coqueiros - Sergipe - Brasil, 62 anos
466 textos (85511 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/07/18 21:32)
Reri Barretto