Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POÇO DOS DESEJOS


Há muito tempo na cidade de urumajó existia um poço, este que realizava desejos de todos os tipos. Só bastava pronúncia a palavra desejada.
Num belo dia de sol muito forte, Nayara uma moça, jovem e bela, estava cavalgando e chegando próximo ao poço, com muito calor , sem saber de nada desejou em voz alta:
- Como queria um sorvete!!!
E Nayara se surpreendeu ao ver o sorvete em suas mãos.
É começou pedir, tudo que ela pedia era atendido, voltando para sua cidade ele conto tudo o que tinha ocorrido para seu melhor amigo Joaquim, e lê foi comprovar o que sua amiga lhe contará.
Chegando lá, ele foi pedindo, pedindo até conseguir tudo o que ele queria.
Foi atrás do seu irmão Raimundo, que também foi ver com seus próprios olhos. Pediu, pediu, pediu.
Então os três se juntaram para pedir mais.
Nayara ordenou:
- Quero um marido que me ame, que me dê carinho todas as noites, bonito, forte, rico e trabalhador.
E assim surgiu o Brad pitt carregando-a até o seu carro.
Joaquim disse:
- Quero as coelhinhas da playboy, todas, nuas.
E apareceram varias mulheres ao seu redor.
Por sua vez Raimundo pediu uma bicicleta.
Apareceu a bicicleta.
Ele deixou a bicicleta de lado e pediu um par de sandálias.
Foi experimentar andando, de repente uma pedra no meio do seu caminho, tropeçando falou:
- Merdaaaaaaaaaa. (E a merda apareceu diante de Raimundo)
Que se lambuzando com a sua merda desejada. Ficou feliz para sempre
Pequeno grão
Enviado por Pequeno grão em 16/09/2007
Código do texto: T654864

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Pequeno grão
Belém - Pará - Brasil, 25 anos
7 textos (569 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 01:17)
Pequeno grão