Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A MENINA APAIXONADA PELOS LIVROS



Parte I
Tetê
Na cidadezinha do interior
Morava a Tetê
Lia tudo que achava
Até livros no lixo pegava.
Dizia ser um tesouro
Cuidava com carinho
Seu nome era Tetê
A menina que amava ler.
Os amigos criticavam
Se ela saia de casa
E algum livro encontrava
Por ali ela ficava.

Em seu aniversário
Logo pedia livros
Quando ganhava era aquela alegria
Viajava no que descobria.

Parte II
O MELHOR PRESENTE
Tetê pela rua andava
Viu algo a sua frente
Era um livro sem capa
Abraçou toda contente.
Sentou-se no banco da praça
Com carinho foi folheando
Era a história de uma menina
Seus olhos foram brilhando.
Sem pensar no tempo
Deixou à leitura lhe transportar
Para um mundo de sonhos
Onde o livro pudesse levar.

Era um mundo de magia
Regado com aventuras
Até os bichinhos estavam
Fazendo suas travessuras.




PARTE III

ERA NOITE DE NATAL
Sentou escreveu o bilhetinho
Na árvore foi pendurar
Os irmãos pediram brinquedos
Ela é claro um livrinho.

A mamãe sempre falava
Dessa vez peça uma boneca
Pare de colecionar livros
A menina nem escutava.

Se um livro eu não receber
 Papai Noel não traga nada
Pode ser uma revistinha
Quero algo que eu possa ler.

Na noite de Natal
Lá estava uma caixa
Era tão grande e pesada
Um presente especial.

Tetê se emocionava
Não sabia de onde veio
Presente assim valioso
Livros e livros,  ela gritava...

IV
UMA LINDA HISTÓRIA

Falava da família numa cidade
A história parecia real
Eram pobres sem moradia
Só não faltava felicidade.

À noite com a luz do luar
A família se reunia
O papai sempre dizia:
A melhor riqueza é estudar.

Quero pra vocês um futuro
Com emprego e moradia
Vejam a nossa situação
Vivemos num lugar escuro.

A menina abraçava o pai e dizia:
Vou estudar e ser professora
Toda criança vai saber ler
Vou levar meu sonho na poesia.

V
O SONHO
Tetê cresceu ficou mocinha
Agora escrevia suas histórias
Colocava  no papel seus sonhos
Guardados nas suas memórias.
Aquele diário com capa de cetim
Onde guardava coisas de criança
Agora criava asas e voava
Mostra ao mundo suas lembranças.

Escrevia seu mundo encantado
Recordações de menina arteira
Embrulhados com laçarotes
Espalhou na cidade inteira.

Parava em escolas e casas
Em sua linda viagem
Deixava a criançada encantada
Suas histórias criaram asas.

VI
TETÊ FICOU ADULTA

Da criança não perdia a vaidade
Adultos são chatos sem opinião
Tetê era diferente
Não vivia de vaidade.

Nos sonhos bem embrulhados
Ela salpicava estrelas
Com papel de emoção
E laços de fita engomados.
O brilho no olhar das crianças
Faziam Tetê viajar no tempo
Em cada historinha escrita
Sonhos e lembranças.
Adorava histórias inventadas
Prendia criança em seus contos
Sorria em cada descoberta
Com duendes bruxas e fadas.



Autoria- Irá Rodrigues

http://iraazevedo.blogspot.com.br










irá rodrigues
Enviado por irá rodrigues em 14/01/2020
Código do texto: T6841671
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
irá rodrigues
Santo Estevão - Bahia - Brasil
4172 textos (78119 leituras)
21 e-livros (689 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/01/20 00:20)
irá rodrigues