Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ADOLESCÊNCIA

Planos de vida pendentes
Na parede do armário.
Pra lembrar que
Ainda tenho muitos objetivos
A serem cumpridos,
Por que eu ainda vivo.

Porque os outros conseguem e eu não?
Por que decidem facilmente e eu não?

Hoje eu enxuguei as lagrimas
Umas cinquenta vezes
Antes de seguir em frente.
Chorei tanto
Que deu dor nos olhos.

Por muito tempo
Meu mundo se limitou da ponta do quarto
Ao portao da garagem.
As vezes parece que faço tudo errado
Porque tenho medo
Deixo e perco oportunidades
Por mero receio.
Sempre fui mantida em uma grande gaiola
Nao estou preparada ainda
Pra decisoes serias.

Mas tenho que ficar
Eu juro
Estou tentando.

Eu vou sair daqui
Pra outro lugar
O mais longe que puder
Só quero me afastar

No sentimento de adolescência
O nivel de liberdade
Se resume a carência

Viver só
Sem ver mais ninguém
Ainda é um dos meus maiores desejos
Eu prometo que vou realizá lo.
Depois de enfim conhecer o mundo.
Veneira
Enviado por Veneira em 06/07/2018
Código do texto: T6383267
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
Veneira
São Paulo - São Paulo - Brasil
9 textos (173 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/18 19:35)
Veneira