20 e poucos falando sobre os 15

Talvez você já tenha sentido aquela sensação de viver pra sempre aos 15 anos. Ou talvez você só quisesse morrer aos 16. Em ambos os casos, meus parabéns, por estar aqui lembrando disso junto comigo sem culpa por ser ingênua demais naquela época (eu no seu lugar seria grata por isso), ou por estar triste de uma forma invisívelmente explícita para todos (eu sinto muito por você que sofreu). A magia dos 15 passa tão rápido. O coração partido por um primeiro ou segundo amor pra sempre, as idas escondidas as festinhas com os amigos, as mãos pro alto gritando foda-se o mundo eu quero é viver! O barulho do mar ao amanhecer na beira da praia na virada de 2013, os melhores amigos com seus ouvidos e abraços acolhedores num dia de caos. A vida começando a fazer algum sentido, ou sentido algum. A criança interior começando a pegar no sono, e o jovem como uma semente noviça, querendo vir a superfície da terra. Que você guarde seus 15 num lugar especial, se orgulhe de quem você era, se orgulhe de quem estava se tornando. Queria ter uma forma de ir lá atrás te falar pra aproveitar mais em ser feliz e menos em crescer. Que o sentimento aos 20 e poucos do tempo passando, é avassalador e não volta nunca. Ria um pouco mais, vá a praia com sua melhor amiga, fique na rua até de amanhã e deixe pra se arrepender aos 20, abrace sua mãe num dia triste, declare amor aquela paixão da escola, não tenha vergonha de cometer um erro, se permita sonhar!

Aos 15 eu só queria ser feliz e ter um amigo ou dois.

Aos 15, eu chorei até os 18 e conheci a morte algumas vezes.

Aos 15, eu tive algo importante roubado.

Aos 15, em dias de 38 graus e nenhuma nuvem, eu usava jaqueta até os punhos e sombra preta embaixo dos olhos.

Aos 15, eu parecia ter vivido 50.

Aos 15, eu tinha acabado de nascer.

Aos 15, eu fui tudo que pude ser.

Se você sofreu ou está sofrendo de tristeza aguda, peça ajuda.

Meu contato: millybuscaroli@gmail.com

Emilly B
Enviado por Emilly B em 06/01/2022
Código do texto: T7422888
Classificação de conteúdo: seguro
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.