Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MCZ

A gente anda pelas ruas e percebe
Os dois lados da cidade que só cresce
Tem o lado do turista tudo limpo, arrumado
Tudo lindo, novo e organizado.
Mas também tem o outro lado da moeda
Uma cidade que oprime e segrega
Onde o povo se amontoa em casebres e barracos
Onde as ruas são lixeiras de lama e buracos.

Nascer, sofrer e morrer em MCZ.
Nascer, sofrer e morrer em MCZ.

Como uma terra tão bonita e abundante
Com riquezas e belezas transbordantes
Faz do seu filho alguém pobre e explorado,
Analfabeto, sem futuro e tratado como gado?
Capitania hereditária, sim senhor!
Hoje quem manda é o filho, mas o pai já mandou
Na sucessão essas famílias se perpetuaram
E você segue votando nos que te exploraram.

Nascer, sofrer e morrer em MCZ.
Nascer, sofrer e morrer em MCZ.

Você que mora e envelhece na cidade
Que paga imposto e não tem reciprocidade
Acorda cedo e trabalha em agonia
Para com o seu suor sustentar a burguesia.
Você que mora numa rua sem asfalto,
Você que perde a sua grana num assalto,
Você que espera o transporte que não passa,
E não consegue um trabalho por conta da sua raça.
E quando a situação não está propícia
Você se vira pois não quer virar notícia
E reza sempre para não ser confundido
Pois sabe que pra polícia todo negro é um bandido.
Enquanto isso, nos palácios da cidade
Negociata e crime das autoridades
Quem deveria defender o povo humilde
Vira as costas, fecha os olhos, enriquece e se omite.

Nascer, sofrer e morrer em MCZ
Nascer, sofrer e morrer em MCZ.
Frodo Oliveira
Enviado por Frodo Oliveira em 29/12/2018
Código do texto: T6537960
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Áudio
MCZ - Frodo Oliveira
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Frodo Oliveira
Maceió - Alagoas - Brasil, 51 anos
312 textos (135441 leituras)
20 áudios (2467 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/02/19 06:50)
Frodo Oliveira