Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Grande amor

Tantas entonações e você vem neste luar
o céu está tão azul e eu nem quem sou, nem pra onde vou
nesta estrada tão bela, mas cheia assim de pedras
que eu não posso jogar em você, até porque lhe darei flores

Se existir outra direção para eu seguir, me encontre
neste mar, e me fale em mudar,
tô cansada de esperar nesse meu canto tão vázio

Refrão:

Quem eu sou quando não estou perto de você
mais uma vez me pergunto sobre viver
Não me reconheço mais, e até me esqueço
aonde vou, porque eu não sei voar sem estar
perto do seu coração, que me trás tanta emoção

Me responde onde foram parar aquelas cartas,
e aquele alguém que conheci, me diz o que aconteceu
Eu sei viver com a solidão, mas pelo que te conheço,
você não sabe não

Seu coração uma hora vai voltar pra mim, sei
que os sonhos tem sempre um fim, mas o que eu fiz
foi por nós dois, pois fechei os olhos e lembrei
quando vi o dia amanhecer, e o sol aparecer


Refrão:

Quem eu sou quando não estou perto de você
mais uma vez me pergunto sobre viver
Não me reconheço mais, e até me esqueço
aonde vou, porque eu não sei voar sem estar
perto do seu coração, que me trás tanta emoção


Traduz logo esse teu amor, eu não tenho tanta certeza
assim, foi você quem fugiu de mim, então o que adianta
tentar se eu também não sou perfeita, será que dá pra entender









Roberta Mendes de Araújo
Enviado por Roberta Mendes de Araújo em 16/09/2007
Reeditado em 25/07/2008
Código do texto: T654360

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Roberta Mendes de Araújo
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil, 34 anos
219 textos (64667 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 02:38)
Roberta Mendes de Araújo