Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Onde mora o sol

Quando que tua madrugada,
Vem amanhã que teu sol,
Compenetrado que vertesse,
Amanhã sou teu seu só.

Onde mora o seu sol,
Que lá moram incertezas,
De arvores que sozinho,
Correndo a força caminho.

Refrão
Como assim com que são,
Amando com todo o coração,
Mesmo os sentimentos ação,
De o sentires que a reação.

O sentido que tu operares,
Sempre que tudo ordena,
Saber servir como quem,
Faz da alegria seu também.

O maior que eu a amar,
Mesmo quem, doar,
Mesmo que tudo querer,
Sempre que tudo ceder.

Refrão
Como assim com que são,
Amando com todo o coração,
Mesmo os sentimentos ação,
De o sentires que a reação.

O que o sol que tudo mostra,
Refazendo um amor que consta,
Animando-nos com a alvura,
De amar com toda a doçura.

Mesmo o sereno desassombro,
Como o sucesso que encontro,
Mesmo o senil que sentimento,
Alegrar-se que tudo movimenta.

Refrão
Como assim com que são,
Amando com todo o coração,
Mesmo os sentimentos ação,
De o sentires que a reação.
 
Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 19/10/2019
Código do texto: T6773805
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
1778 textos (6642 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/11/19 16:45)
Gumer Navarro