Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Olha o amor passar

O teu conselho que amar,
Vou-me em indo lhe beijar,
A natureza vem me beijar,
Somente quero te amar.

Olha o amor que passar,
Ornado de bons agouros,
Mesmo o sentido que nós,
Falar da vida como perpassar.

Refrão
Olho o teu lindo ventre,
O amor que tudo se verte,
Mais que tudo mente,
E de alegria que se sente.

Pode-se fazer o bem,
Não querer mal a ninguém,
Somos o que acaso,
De quebrar o tudo acho.

Mesmo o seu sentir,
O bramir que consente,
Mesmo o sono aparente,
O amor que tudo entende.

Refrão
Olho o teu lindo ventre,
O amor que tudo se verte,
Mais que tudo mente,
E de alegria que se sente.

O amor que tudo verte,
E em esse mesmo crer,
O amor que se pagina,
De amar esta doce menina.

Como o sol que se nossa,
A alegria não tem retorno,
Quando a tristeza aparente,
O maior que tudo contente.

Refrão
Olho o teu lindo ventre,
O amor que tudo se verte,
Mais que tudo mente,
E de alegria que se sente.

Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 03/12/2019
Código do texto: T6809903
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
1990 textos (7368 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/19 00:29)
Gumer Navarro