Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POLISSEMIA - Aula no Ensino Médio


 
Recursos SEMÃNTICOS ou figuras de estilo:  estudo da significação das formas linguísticas, segundo MATTOSO CÂMARA entre outros linguistas),  a SEMÂNTICA pode ser descritiva ou sincrônica e histórica ou diacrônica  (parte do latim vulgar até nossos dias.
 
Um exemplo na sincronia:
 
A POLISSEMIA de cada palavra, isto é, a propriedade de significação linguística de abranger toda uma série de significações que se explicam  precisam de um contexto.
 
Polissemia da palavra "mão"   -   abrir mão de - desistir de alguma coisa / aguentar a mão - pedido que se faz a alguém para 'pegar leve'  (semelhante a 'ir devagar com o andor porque o santo é de barro', certo?) / com a mão de ferro - de forma rigorosa, mandona, prepotente / com a mão na massa - ato em que alguém é surpreendido, flagrado / com as mãos abanando - sem ter nada nas mãos / com uma mão atrás e outra na frente - sem nada, penúria / dar uma mão ou mãozinha - auxiliar ou pedir ajuda a alguém / dar a mão à palmatória - reconhecer que errou, confessar o erro, dar-se por vencido / de mão beijada - entregar facilmente / de mãos atadas - impossibilitado de fazer alguma coisa / de mão cheia - que faz bem feita alguma coisa / de segunda mão - comprado de outra pessoa, objeto usado / deixar de mão - largar, deixar de lado, abandonar / deixar na mão - não corresponder à expectativa ou ao desejo, deixar alguém na pior / fora de mão - contramão / lavar as mãos - eximir-se de responsabilidade / levantar as mãos para o céu - dar-se por satisfeito / mão-aberta - não avarento, sovina, contrário de 'pão-duro', o mesmo que 'mão-larga' / mão-boba - gesto de quem procura dusfarçadamente com a mão tocar o corpo de outra pessoa com intenção libidinosa ou roubar algo / mão de fada - mulher habilidosa em trabalhos manuais, especialmente os de costura / mão de figa ou fechada - 'pão duro' / mão-francesa - cantoneira em ferro ou madeira, utilizada para sustentar prateleiras, estantes, beirais de telhado ou caixas d'água / mão-furada - pessoa que deixa as coisas caírem, pouco hábil / mão-inglesa - à esquerda no trânsito / mão-leve - gatuno, larápio, ladrão / mão-de-padre - preguiçoso / mao-de-pilão - pessoa desajeitada, inábil em trabalhos manuais / mão na roda - ajuda propícia, auxílio oportuno / mão pesada - pessoa desajeitada, que geralmente destrói aquilo em que põe a mão / mão de trabalhador - que está calejada devido a trabalho pesado / mãos à obra - "Vamos trabalhar!" / meter a mão - roubar ou agredir alguém / meter a mão em cumbuca - envolver-se em atrapalhação / meter os pés pelas mãos - agir de modo inadequado / molhar a mão - dar propina a alguém em troca de alguma vantagem / passar a mão - desviar, subtrair, furtar, surrupiar / passar a mão na cabeça - perdoar falta ou proteger alguém, livrando-o do castigo / pôr a mão no fogo por - dar testemunho de confiança ou responsabilizar-se por alguém / sair na mão - brigar com alguém.
Vocabulário   -   palmatória ou férula - artefato geralmente de madeira u couro duro formado por um círculo com furos e uma haste, usado na escola antiga para castigar alunos, golpeando na palma da mão.  O último país ocidental a abolir seu uso foi a Inglaterra, em 1989.
 
EXERCÍCIO  -  Polissemize a palavra "cabeça":  parte mais alta do corpo humano;  líder etc.
 
                                         F  I  M

Rubemar Alves
Enviado por Rubemar Alves em 23/02/2019
Código do texto: T6582021
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rubemar Alves
Salto - São Paulo - Brasil, 52 anos
767 textos (35785 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/05/19 12:18)
Rubemar Alves