Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POEMA DAS CORES

 
Quando as cores
se misturam o negro vira branco,
e o branco vira preto sem tanta
 tinta misturar.

 
O verde fica vermelho
dependendo unicamente
de cada modo de olhar.

 
Mas se o olhar
for alegre ou mesmo triste
aonde tanta cor eu terei que buscar...

 
Portanto nem sequer
mesmo me preocupo se nada mais tenho
com que me preocupar. Se enquanto as cores
 tornem dentre elas a se misturar.

 
Pois que seja da cor preta
ou de cor branca, a cada cor eu
pretendo logo amar.

 

Alexandre Oliveira
Enviado por Alexandre Oliveira em 15/10/2009
Código do texto: T1866942

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Alexandre Oliveira - www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Oliveira
Cabedelo - Paraíba - Brasil
2551 textos (240614 leituras)
2 e-livros (167 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/19 16:28)
Alexandre Oliveira