Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INFÂNCIA....

INFÂNCIA...



Que Saudades...

Acordar cedo para ir à escola
À tarde, correr, brincar, jogar bola.
Não havia vídeo game, computador, televisão.
Nem curso de Inglês, Italiano, Alemão.

Que Saudades...
Acordar cedo para ir à escola
À tarde, encher de pelotas a sacola.
E saia a tirar vidas de inocentes passarinhos
Não havia controle, vigilância, Ibama.
Que nos orientasse a preservar os seus ninhos

Que Saudades...
Acordar cedo para ir à escola
À tarde, empinar pipas nos terrenos baldios.
Jogando a linha por cima dos fios
Debaixo da chuva, debaixo do sol.
Não tinha perigo, não havia cerol.

Que Saudades...
Acordar cedo para ir à escola
À tarde, me esquecer nunca pude.
Na calçada de terra
Os meninos faziam a maior guerra
Jogando bolinhas de gude

Que Saudades...
Acordar cedo para ir às esquinas
Eram épocas de férias, Festas Juninas.
Correr atrás de balões
Viva Santo Antonio, São Pedro, São João.

Que Saudades...
Acordar cedo para ir à escola,
À tarde, ver meu pai retornando ao convívio dos seus,
O salário às vezes era insuficiente
Mas vivíamos sob as Bênçãos de DEUS

Que Saudades...


ADEMIR ARAGON
Ademir Aragon
Enviado por Ademir Aragon em 25/11/2007
Código do texto: T752055
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ademir Aragon
Jaú - São Paulo - Brasil, 63 anos
2 textos (67 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 02:32)