Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

APRENDENDO A SER POETA.

   
 Nunca tive a pretensão,
 De ser poeta, cronista ou escritor
 Escrevia aqui , ali , sem dar muita atenção
 De repente veja só, como agora estou.
 
 Estar  se tornando um vicio,
 Uma doce obsessão.
 Parece ate  oficio,
 feito por obrigação.

 Chego  ficar triste
 Quando falta  inspiração.
 Mas ela surge em riste,
 como uma oração.

 Ate me surpreendo
 Com tamanha afinidade.
 Que bom meus sentimentos
 Serem expostos com verdade.
 
     
 
Felix Chaves
Enviado por Felix Chaves em 21/10/2017
Reeditado em 21/10/2017
Código do texto: T6148879
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Felix Chaves
Palmas - Tocantins - Brasil
274 textos (14386 leituras)
19 áudios (512 audições)
2 e-livros (253 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/04/21 06:38)
Felix Chaves

Site do Escritor