Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alô, Alô ...WFONSECA




Fonseca meu amigo: Acredite em mim, acesso tua escrivaninha , e está estancada no 66º texto, não consigo ler nada do que produziste, dali para a frente.

Sequer consegui a reunião de títulos de poemas meu , que me dedicaste com carinho.Peço-te que ,se sabes a quem possa eu falar para arrumarem esse contador, me diga.Continuarei lendo você, mas para trás...de ré, até alguém me dizer como solucionar.

Peço-te imensas desculpas, todas as escrivaninhas que visito parecem em ordem , chego a tua e lá está cravada no nº66.

Amigo, se não for pedir muito, podias enviar por email, lerei o poema, e já que por lá não consigo, farei meu comentário aqui.

E que alguém que dirija esse site nos ajude, pois vês a mim, mas não te vejo, e estou muito triste com isso.

Beijos de coração.

Malu
Malubarni
Enviado por Malubarni em 27/05/2006
Reeditado em 27/05/2006
Código do texto: T164193


Comentários

Sobre a autora
Malubarni
Vila Nova De Gaia - Porto - Portugal
595 textos (138051 leituras)
2 áudios (289 audições)
3 e-livros (408 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/03/21 19:43)
Malubarni