Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POSSO DIZER QUE EU TE AMO?



Poeta, mostro-me a ti
Em minhas poesias
Dispo minha alma
Diante de teus olhos

Em meus versos,
Tu conheces a minha alegria
Meu desconforto, a tristeza que me habita

Poeta, tu sabes muito de mim
Em minha poesia, despejo minha emoção
Tu podes viajar em meu sentimento
Podes vislumbrar o sedimento,
Resquícios de um querer naquilo que escrevo

Poeta, tu te emprestas a mim,
Quando leio teu verso,
Tu te apossas de mim
Ao leres meu universo


Poeta, tu és tão íntimo e tão distante
Amigo, crítico, um semelhante
Não sei onde estás, mas assim mesmo te chamo
Poeta, posso diz que eu te amo?

Dedicado a todos os poetas e leitores deste site

OBS:

O POEMA DÁ A IMPRESSÃO DE SER DIRIGIDO "A ALGUÉM", MAS É GENÉRICO.
ESTE "ALGUÉM" É UM POETA/LEITOR QUE LÊ TEUS(MEUS) VERSOS, QUE COMPREENDE O TEU(MEU) POETAR.
É UMA FORMA ÍNTIMA DE DIZER QUE TENHO UM SENTIMENTO DE AMOR POR QUEM LÊ MEUS ESCRITOS E QUE NELES MOSTRO A MINHA ALMA, MINHA ALEGRIA E INÚMEROS SENTIMENTOS, MAS COMO NÃO SOMOS "DONOS" DAQUILO QUE ESCREVEMOS, CADA LEITOR FARÁ A SUA INTERPRETAÇÃO.

BEIJOS DA DENISE
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 30/10/2005
Reeditado em 30/10/2005
Código do texto: T65256


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
11345 textos (954076 leituras)
16 áudios (8943 audições)
311 e-livros (34599 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/11/20 11:22)
Denise Severgnini