Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


 QUE SAUDADES MÃE


A última lágrima,

derramei em despedida,

por minha mãe querida,

que tão cedo perdi.

Em toda minha vida,

sonhei para mostrar-lhe,

Meu sucesso material,

não consegui,

não faz mal,

tu não esperavas mesmo,

meu sucesso banal.

Conhecestes dois de teus netos,

Isto sei foi um prazer,

só não conhecestes a caçula,

lamento Mãe,

ela muito me orgulha.




HOJE TE COLOCO NO ALTAR

SAUDADES, AMOR MATERNAL.
Maurélio Machado
Enviado por Maurélio Machado em 22/10/2005
Reeditado em 15/10/2013
Código do texto: T62224
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Maurélio Machado
São Bento do Sul - Santa Catarina - Brasil
9436 textos (1822002 leituras)
2 áudios (1221 audições)
101 e-livros (6629 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/11/20 06:44)
Maurélio Machado