Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

=O Éden "do Peter"=

Deixa-me deitar em seu colo e
ser seu Peter Pan,
deixa-me encontrar o seu mundo
para que assim eu possa achar o meu.
Deixa-me secar suas lágrimas
com meu doce sorriso e niná-la,
para que ao acordar possa embebedar-me
com seu matinal riso.

Um dia desses andando por aí, tropeçei
em seus olhos, depois fechei os meus e respirei
a tua essência impregnada em meu ser, em meu coração.
Alguém me chamou, mas não quis abrir os olhos
para não "perder-te de vista".
Esse alguém insistiu em
gritar-me, resolvi abri-los e
em seguida meu coração parou.
Era você, gritando-me com sua voz viva
e seus grandes olhos, querendo ver-me,
querendo ter-me, querendo viver
chamando-me para a vida,
ergui minhas mãos cansadas até você e
em seguida fui conduzido ao seu mundo, meu paraíso.
De pensar que eu queria continuar
de olhos fechados, apenas imaginando-te,
luz da minha vida, a Pétala que me conduz.
E eu que em todas as vezes que pensei em ti
achava-me um nobre sentimental,
quando na verdade minha nobreza real, era você.
P
Enviado por P em 09/10/2007
Reeditado em 14/01/2008
Código do texto: T686712

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Diem Carpe). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
P
Itaparica - Bahia - Brasil, 32 anos
51 textos (3095 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 12:38)
P