Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudades do que nunca vivi

Felicidade e tristeza permeiam meu estado de saudade,
Num conluio sem fim, sem precedentes,
Paira sobre mim o tempo em que se fazia presente,
Até o presente em que está ausente da minha vida.

Se eu disser que esqueço será uma grande mentira,
Então tento escrever para matar o que me corrói,
Tento inventar formas de esquecer esse sentimento,
Mas sei que está aqui dentro de mim.

Ele consegue transbordar uma imensa alegria,
Como também uma tristeza profunda,
Talvez essa saudade utópica esteja somente em minha cabeça,
Decerto existem coisas que fazem parecer uma verdade.

A falta de algo que nunca vivi,
Um cheiro que desperta uma lembrança,
A música que te faz adentrar numa viagem,
Uma ponte que te leva ao imaginar disso tudo.

Sem dúvida essa saudade quisera ser realidade,
Queria estar perto de quem realmente importa-se comigo,
Todos os dias indago me como será.
Existem coisas que só o tempo dirá.
Apenas o tempo, nada além dele.
Josué Bastos
Enviado por Josué Bastos em 30/09/2018
Código do texto: T6464139
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Josué Bastos
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 31 anos
20 textos (624 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/06/19 16:05)
Josué Bastos