Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A IMPORTÂNCIA DE UM FORNO PRÉ-AQUECIDO

 Certa vez, assistindo, na televisão, a um desses programas de culinária, observei os cuidados que devemos ter antes de preparar um bolo.

Geralmente nos preocupamos em saber se não está faltando os ingredientes; se as medidas estão corretas; porém, esquecemos da importância de pré-aquecer o forno, conforme a orientação do mestre-cuca.

Nossa ânsia de provar a guloseima, queimamos esta etapa, indispensável, na preparação do bolo.

Assim, também, acontece em nossa caminhada com Cristo.
Estamos tão preocupados, em saborear as promessas de Deus, que esquecemos de priorizar as orientações feitas pelo Criador da Vida.
E quais são estas orientações?

Buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça, e todas as coisas vos serão acrescentadas. (Mt 6:33)

É muito comum queremos barganhar para receber primeiro os acréscimos, e só daí dedicar-nos ao Reino e buscar a justiça divina.
E isto, geralmente, acontece quando estamos passando por momentos de crises. Queremos as soluções antes de nos deleitar com a Palavra.
Na passagem bíblica sobre a pesca milagrosa (Lc 5), encontramos homens sem esperanças de conseguirem o seu ganha pão, naquele dia. Passaram toda à noite na pesca e nada conseguiram: “ Mestre, havendo trabalhado toda noite, nada apanhamos.” (vv.5a).
Assim, muitas vezes, estamos nós. Quando Jesus nos convida para recomeçar a jornada, dando-nos um pouco de esperança, lembramos – automaticamente- de todas às vezes que já o tentamos e não tivemos êxitos.

Mas, Simão - que também é chamado de Pedro –, mesmo diante da sua incredulidade no sucesso da nova pescaria, preferiu crer nas promessas de Jesus e jogou, novamente, as redes ao mar da Galiléia: “ mas sobre a tua palavra lançarei as redes.” (vv. 5b)
Porém, antes disto acontecer, ou seja, de Jesus mandar que jogassem as redes ao mar, há uma particularidade, muitas vezes não percebida, devido a nossa incessante busca pelas bênçãos celestiais.
“Entrando em um dos barcos, que era o de Simão, pediu-lhe que o afastasse um pouco da praia; e assentando-se, ensinava do barco as multidões.” (vv 3)

O fenômeno da pesca milagrosa só foi possível porque ANTES Simão ouviu a palavra de Jesus e se fez servo para que os ensinamentos de Cristo alcançassem outras pessoas.

Ou seja, Pedro foi o primeiro a ouvi a pregação - pois Jesus estava ao seu lado – e, fora o próprio apóstolo, quem manobrou o barco, enquanto Cristo falava as multidões.

O que a passagem bíblica nos ensina?

PRIMEIRO: “Buscai primeiro o Reino de Deus ...”

Nos momentos de desilusões, quando achamos que nada mais irá adiantar, não devemos lutar contra a maré, precisamos nos colocar ao lado de Jesus, compartilhar de Sua intimidade, sermos os primeiros a querer ouvir a sua voz – e isto se faz dentro de nossos corações - , para fortalecer e revigorar as nossas almas.

SEGUNDO: “...E a sua justiça ...”

Depois, conduzindo o barco da vida, sermos o instrumento da revelação, ensinando que Jesus veio para: “anunciar boas novas aos pobres; proclamar libertação aos cativos, e restaurar a vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos.” (Lc 4:18).

TERCEIRO: “...E todas as coisas vão serão acrescentadas ...”

Só assim alcançaremos - fartamente - grandes quantidades de bênçãos. Teremos as nossas necessidades físicas e espirituais supridas - “ isto fazendo, apanharam grande quantidades de peixes”(Lc 5:6 a) - , assim grande paz transbordará de nossos corações - “ e rompiam-se-lhes as redes (vv.6b).

Quando pré-aquecemos os nossos corações da Palavra Divina (forno), e vivenciamos o Evangelho no dia-a-dia (elaboração do bolo), passamos a refletir a glória de Deus em nossas ações e atitudes ( a satisfação de ter acertado a receita).

Uma vez cheios do Espírito Santo, sentimos a necessidade de compartilhar entre os irmãos, o amor e a misericórdia de Deus em nossas vidas.

“ Então fizeram sinais aos companheiros do outro barco, para que fossem ajuda-los. E foram e encheram ambos os barcos ao ponto de quase irem a pique” ( Lc 5:7).

Oremos:
Senhor, ensina-me a primeiro buscar o teu Reino,
Em detrimento das minhas necessidades.
Faz-me servo, ao invés de querer ser servido.
E que se cumpram as Tuas promessas.
Em nome de Jesus.
Amém!

Joseane JPires
www.frutodapromessa.blogspot.com
Joseane JPires
Enviado por Joseane JPires em 01/09/2007
Código do texto: T633494

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Joseane JPires
Jaboatão dos Guararapes - Pernambuco - Brasil, 51 anos
8 textos (714 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 01:23)
Joseane JPires