Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RP - O CASAMENTO DE BETO LAGE - PARTE 8


                       O CASAMENTO DE BETO LAGE
                                       PARTE VIII

                    Gart cai das nuvens ao ouvir Wagner dizer que vai se casar com Linda.
- Vocês vão... se casar? Eu pensei que ela estivesse...
- Zangada comigo? Já passou. Está tudo bem agora. Ela me perdoou.
- Que bom... Então é mais um motivo pra que eu saia daqui. Eu vou falar com o Bartley e pedir pra ele pra providenciar tudo.
- Espera. Não é assim de uma hora pra outra. Nós não vamos casar amanhã. Fica até a gente resolver tudo. Eu ainda tenho que voltar pro Brasil e falar com meu pai. Tem muito chão ainda. E eu preciso de você aqui pra resolver aquela questão da passagem da fazenda Quatro Estrelas pro nome do meu pai definitivamente.
- Aliás... você não me deixou avisar... Ele pediu que você voltasse em menos de vinte e quatro horas.
- Eu imaginava. Eu vou ligar pra ele.

   Wagner volta para a mansão. Gart vai até a garagem, pega o carro e sai. Ao passar pelo portão Peter o faz parar.
- (Aonde você vai?).
- Até a casa do Bartley.
- (Gart, eu vi o Teo rondando a mansão de novo. E ele viu o Wagner chegar. Você sabe que ele anda sempre armado).
   Gart pensa um pouco e diz:
- Não diga nada nem ao Wagner nem à Linda. Só avise ao Bob e ao Neil pra estarem alertas.
- (Eles já sabem. Estarão alertas e sempre armados pra qualquer surpresa, como sempre).
- Ótimo. Eu volto já.
- (E se o Wagner quiser sair?).
- Não vai. Ele me disse que ia dormir. Descansar da viagem. Mas, se ele quiser sair, antes de eu voltar, pede pra um dos rapazes irem com ele. Se ele discutir, não deixe. Amarre-o, se for preciso.
- (Ele é o patrão...).
- Eu também.
   O carro se afasta. Peter acha a ordem um tanto esquisita, mas esboça um sorriso e aceita. Vai avisar aos outros dois guarda-costas e fica de olhos bem abertos a qualquer um que passe próximo demais da casa.
   Mas a madrugada transcorre tranquila. Gart volta e vai ao seu quarto arrumar suas malas. Alguém bate à porta. Ele vai atender. É Linda.
- Posso falar com você?
   Ele abre a porta e deixa espaço para ela entrar.
- O Wagner disse que você está querendo ir embora, ela diz, olhando para as malas sobre a cama dele.
- Não estou querendo. Eu vou.
- Por minha causa?
- Não... Você não tem nada a ver com isso. Eu já tinha tomado essa decisão desde a morte de Mr. Russel. Só ele me prendia aqui... além de você... Aí veio a viagem pro Brasil... Mas como você vai se casar, já tem quem te proteja.
- Ele te contou?
- Era segredo?
- Não... mas não vai ser assim tão rápido. Eu preciso saber primeiro se tudo que ele fez pra chegar até mim e me convencer a perdoá-lo é amor mesmo ou se é consequência do orgulho ferido. Wagner é muito imprevisível.
- O que foi que ele aprontou lá que te deixou tão nervosa a ponto de voltar?
   Linda se senta na cama.
- Lembra da Janete?
- A única garota que não tinha namorado na turma dele...
- Ela mesma. Ela ameaçou se jogar na represa e se matar... por causa dele.
  Gart ri e vai se sentar ao lado dela.
- Jesus...!
- Ela o obrigou a ir falar com ele e quando foi salvá-la, no mesmo momento, depois de ir resgatar a mocinha ele... transou com ela.
- É normal na idade dele...
- Pode ser, mas eu não consigo engolir certos arroubos adolescentes de um cara de vinte anos. Quero esperar um pouco mais. Quero ficar aqui.
- E ele sabe disso?
- Não.
- Se você não for embora com ele... ele também fica.
- Isso quem vai decidir é ele. Eu já decidi o que vou fazer.
- Como sempre.
   Ela sorri.


            RETORNO AO PARAÍSO – O CASAMENTO DE BETO LAGE
                                             PARTE 8

                      OBRIGADA POR SONHAR COMIGO!
                                        BOA TARDE!
                      DEUS NOS ABENÇOE A TODOS NÓS!

Velucy
Enviado por Velucy em 10/06/2018
Código do texto: T6360569
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Velucy
São Paulo - São Paulo - Brasil
1026 textos (4249 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/08/18 10:50)