Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RP - MORRE UM ANJO...- PARTE 24


                                  MORRE UM ANJO...
                                      PARTE XXIV

                          Depois que eles partem, Magda pede para as meninas entrarem e irem tomar banho, pois estão irreconhecíveis de tão sujas. Entra com Elis e antes de entrar também, Diana pergunta a Cláudio:
- O Alberto vai voltar com o Miguel no mês que vem, Cla?
- Não sei, talvez.
- Eu gostei de ver que ele está feliz agora. O Miguel é legal. Eu sempre gostei dele. Acho que ele vai ser um pai legal. E o Rodrigo é um barato. Ele disse que vai pedir pro Miguel pra trazer os dois de novo aqui.
- Então eles vêm. Não tenha dúvida.
   Wagner sai da casa e se aproxima deles.
- Wagner! Você chegou! - a menina diz, indo abraçar o irmão. – Por onde você entrou que eu nem vi?
   Ele a abraça também e beija sua testa.
- Você estava brincando na cocheira.
- A gente passou uma tarde muito legal. O Miguel trouxe os filhos dele, o Rodrigo e o Alberto. Ele vai adotar o Alberto. Não é legal?
- É muito legal. Muito bom mesmo.
   Ela percebe que ele não está normal.
- Você está triste?
- Não, só estou cansado.
- Cadê a Linda? Está lá dentro?
- Não... ele responde, sem vontade. – Ela não veio comigo.
- Não? Você não foi pra Inglaterra buscar ela pra casar com você?
   Wagner não quer contar para Diana o que aconteceu ainda.
- Mas ela não veio... Ela ficou lá.
- Por quê? Você não vai mais casar com ela?
   Ele fica totalmente sem palavras e não sabe o que dizer. Acaricia os cabelos da irmã, mas não diz nada.
- Vai tomar seu banho pra gente jantar, Didi, diz Cláudio, interrompendo a conversa. – A mamãe não gosta de mandar duas vezes.
- Eu vou. Bom te ver de novo, maninho.
   Ela o beija no rosto e entra. Wagner encosta-se à mureta de madeira da varanda.
- Conseguiu descansar? - Cláudio pergunta.
- Desculpa não ter descido. Eu tomei banho, deitei na cama e apaguei.
- Tudo bem. Todo mundo entendeu. Já falou com o papai?
- Não...
- Eu acho que você não devia ter mentido pra Diana sobre a morte da Linda, Wagner, diz Mônica. – Ela gostava dela tanto quanto todo mundo e já é bem grandinha pra entender certas coisas. Vai ficar mais difícil contar depois.
- Concordo, diz Cláudio.
- Eu sei... Mas eu não menti, só não tive coragem de contar... Eu mesmo não me acostumei com isso ainda... Depois eu converso com ela com calma.
   Leonardo vem chegando e se aproxima da casa. Apeia do cavalo e se aproxima deles.
- Boa noite.
- Boa noite, os três respondem.
   Leonardo se aproxima de Wagner.
- Com foi de viagem?
- Bem, pai...
- Eu sinto muito pelo que aconteceu com a Linda... Sinto de verdade. Ela era uma boa moça. Não merecia morrer dessa forma.
   Leonardo se aproxima mais dele e o abraça forte.
- Sinto muito mesmo.
   Wagner quase nunca abraça o pai e ao sentir seu abraço, sente uma emoção muito forte e retribui o abraço emocionado.


                  RETORNO AO PARAÍSO – MORRE UM ANJO...
                                        PARTE 24


                     OBRIGADA POR SONHAR COMIGO!
                                     BOA TARDE!
                       DEUS NOS ABENÇOE A TODOS NÓS!

Velucy
Enviado por Velucy em 11/07/2018
Código do texto: T6387453
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Velucy
São Paulo - São Paulo - Brasil
1204 textos (6199 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/18 12:38)