Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Oração do Jornalista

Senhor.
Sei que tenho sido negligente com minha fé, pois muitas vezes, nem tenho tempo de entrar em igrejas (Me responda pai do céu... fazer fotografias em investigação sobre processo de restauração fraudulenta vale como visita à casa de Deus?). Mas venho hoje te procurar para tentar redimir meus erros.
Me perdoe por todas as vezes que tive que contar alguma mentira. Juro que foram ordens superiores.
Me perdoe por todas as vezes em que tive que convencer as pessoas sobre algo que nem eu mesmo acreditava... foi o que minhas fontes disseram.
Me perdoe por fazer releases comerciais, muitas vezes... tenho família para sustentar.
Me perdoe também por ter deixado aquele menino cair na correnteza... mas se perdesse aquela foto, seria demitido (Torno a dizer, tenho família, como qualquer trabalhador para sustentar.).
Senhor, me proteja dos advogados, dos juízes e do Ministério Público(MP). Senhor, por gentileza, se for possível, não permita nunca que eu seja contratado como assessor de imprensa de político corrupto.
Senhor! Me proteja também dos seguranças que adoram arroxar repórteres. E faça com que minhas pernas sejam velozes o suficiente para que possa correr com uma câmera na mão, quando eles vierem para cima de mim.
Por falar em velocidade, senhor, não esqueça dos momentos de transmissão ao vivo... é muito cansativo correr de um lado ao outro, ainda mais quando a aparelhagem é ineficiente.
Eu sei, existem muitas coisas ainda na minha vida, para pedir proteção e perdão, mas como o senhor tem os bêbados e as crianças para proteger, não vou sobrecarregá-lo.
Ah, antes que eu esqueça: Me perdoe por ter xingado a mãe do presidente do  Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, eu sei que ela não tem culpa de o bebê dela ter se tornado uma aberração.
E ainda, juro que tenho consciência de que Seu filho, Jesus, disse que deveriamos sempre dar a outra face... mas pelo Seu amor, Senhor... aguentar o Mendes é muito difícil.
Posso pedir mais uma coisa? SENHOR, PROTEJA OS OUVIDOS E OLHOS DO POVO BRASILEIRO, QUE A PARTIR DE AGORA PODERÁ CORRER MAIORES RISCOS DE RECEBER DIARIAMENTE INFORMAÇÃO DESQUALIFICADA.
Prometo nunca mais dizer palavrões, ofender alguém em rede nacional, e publicar fotos vexatórias. Prometo nunca mais escrever crônicas sem sentido, prometo nunca mais ter acessos de riso na frente das câmeras, ou ao microfone, mas por favor...SENHOR, VALIDE MEU DIPLOMA DE NOVO!

Amém.
Caroline Garcia Cruz
Enviado por Caroline Garcia Cruz em 19/06/2009
Reeditado em 19/04/2013
Código do texto: T1656643
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Caroline Garcia Cruz
Viamão - Rio Grande do Sul - Brasil, 36 anos
111 textos (15212 leituras)
1 áudios (80 audições)
2 e-livros (64 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 17:52)
Caroline Garcia Cruz