Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu penso...

A pior das prisões é aquela em que a porta fica sempre aberta.

A dor mais cruel é que você julga sentir.

A maior das alegrias é sempre a que se faz presente.

O elo partido nem sempre significa liberdade.

A liberdade é tão subjetiva tanto quanto é subjetiva sua vontade de saber do que quer se libertar.

A folha em branco do papel de um poeta não significa que o poema não esteja lá.
Ana Maria de Moraes Carvalho
Enviado por Ana Maria de Moraes Carvalho em 25/05/2009
Código do texto: T1613435

Comentários

Sobre a autora
Ana Maria de Moraes Carvalho
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 60 anos
923 textos (119000 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/20 11:39)
Ana Maria de Moraes Carvalho