Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

* * *MERE-AMBIENTE* * *

 
MERE-AMBIENTE

O nosso amor, assim como todo amor, é um ecossistema frágil. Qualquer desequilíbrio pode causar danos que levará um tempo para se recuperar.

E o homem segue a lógica da natureza. Imita-a desde o seu nascimento até sua morte. E como na natureza, também geramos frutos, para assim perpetuarmos nossa história.

Temos essa semente, sei que não ando cuidando muito bem dela. Talvez possa parecer que não ligo...mas: ninguém os ama como eu.

Você! Você é meu mere-ambiente e sei que não fui um bom índio. Não cuidei bem de você. Desmatei...Polui... .Até descobrir que sem você eu não existo.

Talvez você não acredite, mas, agora, tenho uma idéia ecológica desse meu amor por você, e, sendo você o meu mere-ambiente, meu maior desafio será reflorestá-la.Devolvendo o equilíbrio ecológico desse nosso ecossistema que já foi tão lindo e, acredite, é possível.

Para encerrar, gostaria de lhe deixar bem claro que não há máscara, o que há é desespero é a angústia de ver nossa reserva sendo destruída lentamente...E nossa semente se perdendo por culpa dessa destruição. Ajude-me! Não me deixe só nessa luta...Pois você é o meu mere-ambiente...E eu? Eu te amo!

Leilson Leão

 
 
Leilson Leão
Enviado por Leilson Leão em 20/01/2007
Código do texto: T353614

Comentários

Sobre o autor
Leilson Leão
Euclides da Cunha - Bahia - Brasil, 54 anos
950 textos (73336 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/20 03:34)
Leilson Leão