Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

(in) Dependência do Sistema ?

Depois de lembrar os passados, pensar nos futuros e tentar viver os presentes de hoje, ainda tento viver o passado aonde era melhor não saber oque vinha por aí ...
È o Medo que ostenta em nossas costas, derrepente você está numa realidade que estava até longe de seus sonhos, ou melhor dizendo, de seus pesadelos. Tudo que não esperava enfrentar e todo aquele Destino que você mesmo seguro de sí planejou, vai por  água baixo e você se depara, acomodado com toda aquela sua segurança em sí mesmo, desmoronar-se com todo esse futuro agora mais doque presente diferente do já escrito.
Você se depara com vícios como escudos e fugas, e toda aquela auto-confiança que tinha em sí mesmo tornou-se algo tão complicado de controlar, o auter-ego subiu a cabeça, e de todos os talentos que você exercitava achou certo usa-lo só quando fosse preciso, logo desacostumado e sem uma realidade conhecida por sí mesmo, o cara que sabia tudo sobre oque não havia vivido, se depara dentro de todo aquele Sistema que te joga para baixo e você, sem nem uma rotina para tentar escapar, se ve num mapa em branco, onde não há nem entradas nem saídas para os problemas, porque justo você que criticava a Rotina de todo careta por aí, agora não se encontra preso á ela, mas sim ao excluídos do Sistema, gente que não pode nem criticar por não saber nem aonde estava vivendo.
È estranho delatar algo que lhe pega de surpresa, não tem inspiração para usar seus talentos, nem forças para poder misturar experiências, nem poder para continuar sobrevivendo e relatando o quanto você só queria viver, enquanto sobrevive para quem sabe um dia apenas viver .
Chega á ser irônico o quanto você critica a dependencia que sofre do Sistema, e ao mesmo tempo se sente tão livre dele para poder criticá-lo e dizer-se livre, livre até demais, só era tão compreendido enquanto você fazia parte, depois do momento que se livra dele, você não tem mais uam exposição de idéia para o mesmo, é como criticar oque vive se dizendo para viver o contrário, mas quando você faz parte do contrário não conseguir de fato criticar oque vivia.
Só se tornando independente de tudo que gerava sua inspiração para mostrar a sí mesmo que inspiração é sentimento, e como vive-los se não faz mais parte de tudo que gerava amor ou ódio, ou a mistura de tudo isso que era nada mais que as causas para as consequentes criações, estranho se dizer dependente de algo que tanto lutou para conquistar independencia, só esqueceu de alguns detalhes, só estará livre de tudo isso quando a Obra estiver pronta, e o Poder conquistado.

" A Independência perante o Sistema gera dependência "
 
Tolentino
Enviado por Tolentino em 28/02/2007
Código do texto: T396517

Comentários

Sobre o autor
Tolentino
São Paulo - São Paulo - Brasil
37 textos (8933 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/20 19:52)
Tolentino