Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Do fundo do ônibus

Eram dois velhinhos.
Dois de cabeça braca
Do fundo do ônibus, eu podia vê-los.
Nao estavam lado a lado, um estava no banco de tras e, o outro, na diagonal à frente.
Mas, olhando de tras, pareciam estar juntos.
E gostemos de acreditar nisso, certo?
Pois, de que valeria a viagem sem uma companhia?
Logo atras, alguns homens de 30 e poucos.
E, ao fundo, estava eu.
Outros jovens também, mas nao pareciam apreciar o que aquela viagem de R$ 3,70 podia estar ensinando:
Os velhinhos estavam no comando, mas é claro! A voz da experiência vale muito.
Ou você acha que nasceu sabendo tudo?
Os homens, logo a tras, ja haviam aprendido muitas coisas, por experiência própria ou, quem sabe, ouvindo outros velhinhos.. Portanto, mereciam o tal lugar de previlégio: no centro, recebendo todas as atenções.
Eu estava recolhida no fundo.
Ainda bem ne?! Nao tenho muito a ser exibido mesmo.
Mas pelo menos estava aprendendo.
Tulinda
Enviado por Tulinda em 15/01/2018
Código do texto: T6227220
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Tulinda
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 21 anos
3 textos (35 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 18:28)