Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A ALMA DE UM POÉTA

O que podemos deixar aos nossos sucessores neste mundo e na história? Da matéria nada, mas, o que essa matéria pensou, idealizou e escreveu, ficará para toda a eternidade, se propagada através dos outros.
Por isso, escrevo aos quatros cantos da terra, meus versos através de poemas, sonetos, canções, contos e crônicas entre outros. Assim minha alma, permanecerá, nas palavras dos meus escritos e na voz daqueles, que vierem a nutrir o apreço e o respeito pela leitura, o entusiasmo pelo saber e pelo conhecimento da cultura poética de um povo, que nasceu para a arte de versificar. A esse povo, chamamos de brasileiros. Quanto a mim, apenas lembranças; as minhas palavras em forma de versos. A alma de todos os poétas.
                       
                      Rio, 06 de setembro de 2007
                           Feitosa dos Santos, A.
Feitosa dos Santos
Enviado por Feitosa dos Santos em 06/09/2007
Reeditado em 06/09/2007
Código do texto: T641846
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("Regra para USO: citar autoria de Feitosa dos Santos e o Site www.recantodasletras.uol.com.br"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Feitosa dos Santos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1403 textos (68665 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 05:16)
Feitosa dos Santos