Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Bolsonaro segue internado

... e o presidente Jair Bolsonaro segue, com sinais de pneumonia, internado, em unidade semi-intensiva do hospital israelita Albert Einstein, porque, no ano passado, participou de uma trama sórdida em que se dispôs a representar o papel de vítima de uma tentativa de assassinato à faca para, não vindo, hospitalizado, a ter de participar de nenhum debate, fugir de um confronto com o sapientíssimo Fernando Haddad, o poste do prisioneiro mais famoso do Brasil.
*
O Bolsonaro já pode parar com a farsa, afinal as eleições já acabaram, dela ele saiu vitorioso, e há um pouco mais de um mês ele assumiu a presidência. Então, por que ele insiste em, conservando-se internado no hospital israelita Albert Einstein, sustentar aquela história em que ele fingiu ser esfaqueado só para não ter de enfrentar, nos debates, o Haddad, aquele político provido de extraordinários dons intelectuais!? Ou será que eu é que estou errado em acreditar que tal história, inventada pelos esquerdistas, procede? Uma pulga atrás da minha orelha está para me convencer que os esquerdistas, seres tão nobres e honestos, almas cândidas, equivocaram-se nesta história; eles, que jamais abrem a boca para maldizer e difamar ninguém, falharam em avaliar corretamente a história protagonizada por Jair Bolsonaro, que se fingiu esfaqueado, e Adélio Bispo, que representou o papel de esfaqueador. Estou na iminência de acreditar que o esfaqueamento do Jair Bolsonaro por Adélio Bispo foi real, e não uma simulação, como foi aventado pelos esquerdistas, para justificar a ausência do Jair Bolsonaro nos debates.
Ilustre Desconhecido
Enviado por Ilustre Desconhecido em 08/02/2019
Código do texto: T6569822
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Ilustre Desconhecido
Pindamonhangaba - São Paulo - Brasil
672 textos (9941 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/01/20 06:45)