Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sempre há uma esperança

 
Ás vezes, surpreendo-me com a natureza humana, com o que ainda há de bom nos homens, de uma forma geral. Alivia-me a alma saber que há poucos, mas significativos seres que ainda crêem nos sentimentos, nas sensações que a atração, a paixão e o amor provocam... O mundo anda tão vazio,  e tão frio quanto o pólo norte que ainda há resquícios de calor animal entre os seres irracionais ainda existentes lá, muitas vezes chego à conclusão que são racionais e não irracionais! E somos filhos do mesmo ventre terra e trazidos pelo mesmo criador... Será tão difícil de enxergar!?
Nelciene Santos
Enviado por Nelciene Santos em 02/10/2007
Reeditado em 02/10/2007
Código do texto: T677771

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Textos: Nelciene Santos http://recantodasletras.uol.com.br/autores/poesinel). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nelciene Santos
Cabo de Santo Agostinho - Pernambuco - Brasil, 45 anos
1106 textos (68913 leituras)
1 e-livros (34 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 02:58)
Nelciene Santos