Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Somos heróis adormecidos?

Todos nós somos herdeiros de inúmeros super-poderes. Alguns de nós despertamos para este fato enquanto outros adormecem sem reconhecer tamanha capacidade em si. A vida é uma jornada empolgante que se assemelha, e muito, àqueles filmes de super-heróis de hollyood, embora seja grande a quantidade de pessoas que menosprezam tal fato e que a considera apenas algo trivial e niilista.
Se autoconhecer, jogar para o Mundo aquilo o que se faz bem e se gosta de fazer, exercer a gratidão e o altruísmo, prestar atenção de verdade em outrém - em cada ínfimo detalhe. Qual super-poder pode ser maior do que os recém mencionados? Voar? Talvez voar tenha alguma valia para pássaros, mas em contraponto não podem exercer a possibilidade de conhecer a sí próprios. Não tem tudo seu ponto positivo e o seu ponto negativo? Quando cito super-poderes não o faço com o intento de criar algo utópico, mas sim algo que carregamos em nós mesmos sem sequer perceber. Nascer, crescer, reproduzir e morrer, como qualquer outro animal selvagem pode parecer tentador - até certo ponto é tentador, mesmo. Só seguir a manada sem reinvindicar a responsabilidade dos poderes intrinsecos ao "SER". Ah... Tão fácil, não é mesmo? a troco de que ser diferente enquanto todos os outros seguem padrões tão bem estabelecidos? a troco de que trocar o conforto de ser igual aos dez mil seres pelo desdém de empreender o próprio destino? (o que talvez é o maior dos super-poderes). Pássaros não podem empreender o próprio destino - eles nascem, crescem, com sorte reproduzem e então voltam ao vale do caos. Mas nós podemos reinvindicar todos esses poderes, gritar para o Mundo inteiro: "Eis me aqui, caceta","é por mim e dane-se o que vocês vão pensar!" Nós podemos empreender todas as situações, podemos transformar o caos em ordem a qualquer instante. O ponto negativo é que muitas vezes o pêndulo vira, e o caos que transformamos em ordem volta a se tornar caos. Assim se sucede o grande ciclo da vida - caos e ordem, ordem e caos. Pássaros não sabem disso, então não podem sentir gratidão por saber disso. Pássaros são a ordem estabelecida dentro de um vasto caos onisciente. E nós? meros empreendedores dentro do giro eterno do caos/ordem podemos. Nós podemos nos sentir gratos por isto e mais um pouco. Quais são as três coisas que mais te fazem sentir gratidão? pense nelas por um instante. Imagine cada detalhe. Sinta. Essa porcaria (não o que você imaginou) de exercicio não é um super-poder? se a resposta para essa pergunta foi sim então se considere um super-herói. Bem vindo(a) ao Mundo utópico das quase infinitas possibilidades. Você não pode voar, mas pode fazer outras coisas. Você não pode atravessar paredes, ou transformar água em vinho, mas pode dizer "eu te amo" pra quem não diz há tanto tempo. O que pode ser mais lindo do que isso? o que pode ser mais poderoso do que isso? no filme "interestellar" uma personagem fala que o amor é a única coisa que a ciência não explica e que pode transcender o espaço/tempo. Não é isto mais valioso do que ser invisivel? eu nunca viajei entre o espaço/tempo (eu acho) para garantir que o amor é a cola que gruda cada particula neste universo e que une cada ser em um único propósito, mas uma coisa eu posso garantir: você pode sim empreender o próprio filme (sim, agora a sua vida é um filme) e usar os poderes que bem entender dentro dele ao invés de ser coadjuvante em filmes alheios e estar mercê de poderes alheios.
The end.

Ah, eu te convido para conhecer meu canal no youtube (Duarte)
Sinta-se a vontade para visitar, se inscrever e conhecer meus videos.
 
https://www.youtube.com/channel/UC7KmCTZz6fdwkgOZVgruwpg?view_as=subscriber

Com carinho e afeto, especialmente para você.
DuarteEdu
Enviado por DuarteEdu em 14/01/2020
Reeditado em 14/01/2020
Código do texto: T6841766
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
DuarteEdu
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 20 anos
2 textos (22 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/01/20 09:26)
DuarteEdu