Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O pior de mim

Ele despertou o pior de mim e depois me culpou indiretamente por isso...

Com suas mentiras, despertou uma insegurança a muito adormecida..

Com sua indiferença, fez nascer uma carência que eu nem pensei que sentiria..

Com suas brincadeiras, me provocou ciúme, de maneira progressiva..

Ele sentia prazer em me enlouquecer e dizer que eu era louca..

Tirava minha sanidade, muito mais do que minha roupa..

Ele me distanciou o suficiente, pra não enxergar o que fazia,

E se aproximava as vezes, pra amenizar minha agonia..

Ele desconstruía minhas certezas e no lugar das incertezas, eu ouvia..

Que eu era doida, doente, muito surtada - Dizia.

Só pra depois, lá na frente, ante a minha poesia,

Se mostrar incoerente, como eu já presumia.

Eu carregava a vontade de estar errada, junto com o revés de ser esperta.

E superava o engano de acreditar nele, quando desde o início eu estava certa.

Mas ali deixei uma marca, bem discreta, invisível talvez.

Só pra me lembrar de ter cuidado, ao permitir que me toquem outra vez.
Tamylles Keyth
Enviado por Tamylles Keyth em 22/03/2020
Reeditado em 28/03/2020
Código do texto: T6894446
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Tamylles Keyth
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 25 anos
89 textos (2291 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 22:01)
Tamylles Keyth