Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

HOJE PERDEMOS


Perdemos 3 crianças, cujos olhos inocentes ainda não conheciam a maldade do mundo.
Hoje são 3 mães que não vão poder abraçar seus pequeninos. 3 mães que não vão sequer ouvir a voizinha fina de seus filhos lhe chamando. Será que podemos entender essa dor? Não! Ninguém pode. Exceto quem a sente.
Hoje duas professoras perderam suas vidas, seus sonhos. Elas estavam ali, em sala de aula transformando o mundo acreditando na educação. Lutando contra a sociedade vil e caótica. E não deu tempo, não deu tempo de se desviar da lâmina que lhe extinguiu a vida.
Hoje famílias e famílias estão discursando em lágrimas a violência absurda do mundo.
Hoje um ser doente provocou uma chacina e sua família também chora .
Vejam só.... Que dia meu Deus.
 E ainda nem falamos sobre as centenas de vítimas da covid, ou da perda de um dos melhores humoristas da televisão brasileira,  e reparem que ainda nem falamos daqueles que necessitam que comida, agasalho, teto...
Parece tão cotidiano acordar, se vestir, checar a bolsa e ir pro trabalho maçante que nem nos damos conta que esse pode ser o último dia. A última chance de respirar.
Viver arde. Viver é um risco, um descuido entre a corda bamba da vida e da morte.
Uma pisadela em falso e fim.
Hoje foi um dia difícil, dolorido. Daqueles que rasgam o peito e até mesmo as lágrimas relutam em chorar.
Tudo parece raso demais em comparação a dor quando ela é gigantesca.
Que dia meu Deus... Que dia....
Josih Romano
Enviado por Josih Romano em 04/05/2021
Código do texto: T7248353
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Josih Romano
Bragança Paulista - São Paulo - Brasil, 28 anos
31 textos (474 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/05/21 21:49)
Josih Romano