Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O VITORIOSO

Qual o lugar em que habita o teu sorriso? Em que pairagens?
Ontem sorrias condignamente, triufante, ufanando-se das conquistas. Fostes por acaso derrotado? Passaram a tua frente e deixaram marca de poeira?

Na verdade, desejo sempre estar no topo. Mas a vida não se constitui apenas de topos, mas declives. E nos declives é que se aprende que o essencial da existência não reside meramente em ganhos, mas também em sinceras percas.
Quantas lições o fracasso oferece. O fracassado tem duas opções a usa frente: se manter inerte ou conscientemente não temer suas aflições e e levantar...continuar e ter certeza que a queda logo virá.

Não há vitória concreta sem muito esforço e suor.
E tudo que é muito fácil não passa de meros devaneios.
Estive meditando nestas palavras no cadinho de uma queda. Sofrer, ficar triste...normal! Somos seres humanos: essa é a beleza.

Não programados, mas criativos, senhores, capazes de dominar. Potencial que não deve ser esquecido e não é utilizado nem dez porcento.

Penso e entendo: a maratona da vida não teria graça e sabor se fosse apenas conquistas...
O tempero são as provas, quedas...
Essa é a vida sem motes e medos.
Batista Neto
Enviado por Batista Neto em 13/11/2007
Código do texto: T735017

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Batista Neto
Camocim de São Félix - Pernambuco - Brasil, 36 anos
30 textos (15673 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 05:06)
Batista Neto