Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desabafo@

Mal fatídica hora,
Onde em meu pensamento paira a insanidade.
Onde tudo deixa de fazer sentido.
Me entrego ao amago de ser inerte,
E cansado do momento de estar.
Falo por um momento coisas dementes!
Sem sentido algum,
Choro lágrimas sentidas,
Onde meu coração mórbido quase para de dor.
Falta-me a vontade de estar presente dentro de meu próprio eu,
Olho com olhos marejados de lástima e profunda dor,
Vejo-me já sem fio vital da vida,
Deleito-me nos braços da morte,
Fala-me com voz arrogante!
Tu agora não tem mais chance,
Chega hora de eterno labor.
Digo-me com toda certeza eis-me aqui sou tua sem defesa,
Lava-me pois nada nessa vida sou,
Ela sem titubear toma-me nos braços,
Aproveita-se do meu cansaço,
E encaminha-me ao teu reino de Horror!


Claudia/15/12/2005
lindamulher
Enviado por lindamulher em 15/12/2005
Reeditado em 24/11/2013
Código do texto: T86327
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
lindamulher
Itirapina - São Paulo - Brasil, 61 anos
1626 textos (140017 leituras)
3 áudios (361 audições)
4 e-livros (314 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/04/21 00:17)
lindamulher