Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PAREI NO TEMPO

Hoje parei no tempo
sentei no banco da ilusão,
pra refletir,
busquei ensinamentos na natureza,
ouvi do vento a brandura,
a luz do astro-rei me acariciou,
banhei-me no clarão da lua,
ouvi das estrelas cintilantes
doces cantares,
ouvi dos oceanos e mares
a palavra ternura;
Hoje parei no tempo
não olhei pra trás,
se tudo foi em vão,
se houve desacorde na canção
a vida esta aí pra ser vivida
e não sofrida,
então vem!
os carrosséis vão girar
o meu encanto,
se a lágrima do homem caiu
o manto do poeta encobriu,
descoloriu o antigo,
remoçou o presente,
nada, nada mais é ausente;
Hoje eu dei um tempo no tempo
sem contratempo.

08/12/06
A. JORGÊ
ANDRADE JORGE
Enviado por ANDRADE JORGE em 26/09/2008
Reeditado em 31/05/2019
Código do texto: T1197453
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
ANDRADE JORGE
Jundiaí - São Paulo - Brasil
1218 textos (104213 leituras)
32 áudios (2148 audições)
2 e-livros (332 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/05/21 00:05)
ANDRADE JORGE