Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TRISTE ENGANO

Cúmplice dos seus deslizes
disfarço o terrível medo,
cubro em segredo as cicatrizes.

Visto a máscara da indulgência
calo os sentimentos em agonia,
finjo não perceber sua ausência.

Em vãs promessas acredito,
assim passaram-se os anos
ficando o dito pelo não dito.

Assustada, tudo consinto.
Permito que a alma pense
que vejo, nada sinto...

Mas o fardo é tão pesado,
que à dor não suporta
o corpo solitário e cansado.

Não há mais como resistir ou insistir,
difícil proseguir com o plano traçado
e o coração, em loucura vai explodir!

Desperta enfim, a verdade nua e crua
e à face molhada tudo se revela:
minha vida não mais se enlaça à sua!...


2007

Anna Peralva
Enviado por Anna Peralva em 03/02/2007
Reeditado em 02/11/2009
Código do texto: T368441

Comentários

Sobre a autora
Anna Peralva
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1582 textos (65827 leituras)
3 e-livros (573 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 06:00)
Anna Peralva