Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Patranha

Patranha



Ai que saudade,
Da alegria que sentia,
Quando julgava a felicidade minha
Mas a verdade era patranha…
Que me envolvia, com a maior manha

Chegou descarada
Sem se fazer anunciada…
Mesmo ao seu jeito,
Devastando-me o peito!


Aurora Mestre
Fatima Rodrigues
Enviado por Fatima Rodrigues em 08/02/2007
Reeditado em 21/08/2007
Código do texto: T374267

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Fatima Rodrigues
Portugal, 59 anos
459 textos (21518 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 23:12)
Fatima Rodrigues