Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Arrependimento.


Desde aquele momento de insanidade.
Aquele que peguei algumas coisas e sai de casa.
Minha vida virou um inferno.
Não durmo. Não como. Nada fica direito.

Tento dormir e os sonhos viram pesadelos.
Acordo a cada três horas – assim com os recém nascidos.
Mas não posso saciar a fome – você não está mais a meu lado.
Não tenho mais seus carinhos, não tenho amor...

Penso em me alimentar. Mas não consigo.
Perdi a vontade de ir á cozinha.
Lembra! Inventando receitas mostrava-me um bom mestre cuca.
Hoje como apenas bugigangas – sólidos para preencher o vazio do estomago.
Sem nenhum prazer...

Vivo desempregado. Não paro em lugar algum.
Os nervos abalados. Vivo irritado.
Subordinado tem que ser calmo.
O tempo organiza tudo que esta em minha volta.

Menos o meu núcleo arrependido.
Ele cada vez mais entra em entropia.
Vou implodir de tristeza.
Quem sabe sobreviverei...

www.jaederwiler-poeta.blogspot.com
jaeder wiler
Enviado por jaeder wiler em 21/02/2007
Código do texto: T388291

Comentários

Sobre o autor
jaeder wiler
Mantena - Minas Gerais - Brasil
417 textos (19774 leituras)
9 e-livros (8203 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 14:58)
jaeder wiler