Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMORES ASSIM....

Amores assim , como o teu
Deviamos deixar passar longe...ao largo,
como algo a deriva, sem rumo,
ou para onde a corrente quiser levar

Vendo-o assim passar ,
a de se imaginar por que veio,
ou se em alguma margem irá parar,
antes de pelo rio ser tragado.

Se tentamos salvá-lo
Já no primeiro momento nos dá uma dor !
Uma dor de perda do que nem se conhece ainda !
Mas...a gente assim...tão empenhada ,
não há de querer que aquele amor se perca de novo,
E já sofremos fazendo parte daquela vida
que nem vida tinha para seguir...

Se não conseguimos traze-lo para a margem,
Nos jogamos na sua lida , sem nem pensar !
Só não queremos vê-lo assim à deriva ,
sem ninguém para amar...não é certo.

Quando nos damos conta , estamos nós também
precisando de resgate !
E se por ventura  , alcançamos terra firme ,
temos ainda a visão maldita desse amor ,
rodopiando e se virando para qualquer lado que não é o nosso!
Perdido e sem rumo, sendo este mesmo o seu caminho !
Isso lá é amor ?
Maria Helena de Melo Rodrigues
Enviado por Maria Helena de Melo Rodrigues em 09/07/2007
Reeditado em 09/07/2007
Código do texto: T557822

Comentários

Sobre a autora
Maria Helena de Melo Rodrigues
Goiânia - Goiás - Brasil, 58 anos
59 textos (2683 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/05/21 05:38)