Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

*PALAVRAS AO VENTO*

Foram tantas palavras só prosas
Tantas juras inconstantes
Jogadas ao vento, ruíram
Tempos vãos, horas distantes

Todo alfabeto, antes descrito
Sem vírgula, pontuação desigual
Foram frases sem sentimentos
Texto pobre sem ponto final

As palavras, de amor reinante
Sustentáculo das grades, prisões
Voaram em outras paixões
Sem consolo sem perdão

Foram versos sem contexto
Que até o papel recusou
Amassou, jogou ao vento
Acanhado de tão frágil amor

O poema antes tão doce
Ficou amargo sem viço, cor
Apenas na sombra o vazio
Até a tinta azul desbotou.

Poesia "On-line" do Fórum do RL
Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 23/07/2007
Reeditado em 14/11/2007
Código do texto: T576621
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2533 textos (148067 leituras)
13 e-livros (1527 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/05/21 04:28)
Sonia Nogueira

Site do Escritor