Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRECE DE AMAR

Autora – Regilene Rodrigues Neves

Num olhar peço tua boca
Imploro tua língua
Venha solte-a no meu corpo
Persiga meus caminhos
Perca-se no deslize suave
Sob minha pele macia

Contorne meu seio
Que inflama no toque gentil
Do cavalheiro sedento
Seja meu escravo
Ora homem ora animal
Renda-se a loba febril de desejos
Uive nessa dança com lobos
Famintos de amor!

Sussurre palavras insanas
Excite a fêmea
Beba-a no champanhe que derrama
Entre minhas pernas a espera do sabor
Que borbulha adentrando a gruta
Embriague-se em delírios alucinados de paixão!

Sorva a seiva que explode de prazeres múltiplos
Gemidos são versos estendidos em profanas palavras
Que acariciam deixando em êxtase
Corpos febris de vontades
Entranha-me em mistura una desse amor!

Para que depois faça de ti
O corpo que exploro
Misturo todos os sabores, segredos, fantasias...
Em vícios que em ti quero saciar
Brincar na tua pele
Sentir teus arrepios
E em cada grito do teu prazer
Satisfazer-me em volúpias
Percorrendo-me dessa embriaguez dos sentidos
Que me satisfaz quando estou contigo.

Nossos momentos têm notas compostas
O violino é tocado, para instrumento do prazer,
A música tem ritmos, sons de prece tocados na alma...
O corpo regozija a felicidade de amar
A entrega é plena e absoluta.

Em 10 de junho de 2006






regipoeta
Enviado por regipoeta em 10/06/2006
Reeditado em 05/08/2006
Código do texto: T172778


Comentários

Sobre a autora
regipoeta
Goiânia - Goiás - Brasil, 58 anos
1454 textos (154950 leituras)
22 e-livros (7202 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/03/21 12:51)
regipoeta