Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FLUIDEZ NA TEZ.

QUERO DIZER
LUZ SECA
UMA ARTE ATEMPORAL
QUANDO PASSA
NUM MUNDO DE MADRUGADA
COMO SE FOSSE
O SAL DO MAR
QUE ATRAVESSA OS CAMPOS
NAS ASAS DA MARESIA.

UMA LEMBRANÇA LOUCA
DIVIDE O SOM DAS EMOÇÕES
NADA OU TUDO PODE MUDAR
MAS, NUNCA FORA DO LUGAR
ASSIM TAMBÉM SE É POETA
MESMO NA DOR DA SOLIDÃO
QUE UM DIA MOROU NO CORAÇÃO.

HÁ UMA ÚNICA RESISTENCIA
A DE JAMAIS DESISTIR
TALVEZ NEM LEMBRAR DE CONTAR
PORQUE O ARQUIVO DO PEITO
SEMPRE VIVO ESTA
POIS, NA MAIS REMOTA REVIRA-VOLTA
ELE PODE RESSUSCITAR.

                                               CONDOR AZUL.
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 13/06/2018
Reeditado em 13/06/2018
Código do texto: T6363451
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
760 textos (28114 leituras)
1 áudios (181 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/18 09:39)
Condor Azul